sexta-feira, 13 de julho de 2012

Coisa Que Me Entristece, Mas...

 

Não gosto de muitas coisas. Mas a principal de todas elas é a de não conseguir fazer do meu silêncio palavras de consolo para alguém. Silêncios que trouxessem paz, algo que acalmasse ou até transformasse o pior ruído em canção. 


Entristece a alma ver o olhar de quem amamos: triste, distante e vazio e não poder dizer nada, nem mesmo com um abraço conseguir curar toda mágoa. Silêncios falam muito mais que palavras, disso todos sabemos, mas nem sempre eles trazem o conforto que é preciso. 


Quando palavras faltam, olhares não falam e abraços não são mais suficientes, a oração faz a diferença e o clamor alcança lugares que aos nossos olhos e silêncios passam despercebidos.

Por Cristiane Marques

3 comentários:

  1. Eu também flor, me entristeço muito quando nem o meu silêncio ajuda um amigo...

    Gostei do texto.

    ResponderExcluir
  2. Gostei do texto. A parte do transformar o ruído em canção foi o melhor. Acredito que calar a dor de alguém que amamos é o desejo de muitas pessoas. O meu muitas vezes era esse. Já me frustei tanto querendo isso. Mas aprendi que não posso dar. Parabéns!

    ResponderExcluir
  3. Que lindooooo! Eu também adoraria saber.. deveria haver uma fórmula para isso..

    ResponderExcluir

Seja sempre bem-vindo! =)